04/08: Academia Internacional de Cinema conta com convidados renomados e premiados em seu curso de documentário

Maria Augusta Ramos, diretora com obras premiadas em festivais como o de Amsterdã e Kiko Goifman, destaque com seu documentário no festival de Berlim, estarão respectivamente nos cursos do Rio de Janeiro e São Paulo

A Academia Internacional de Cinema (AIC) realiza no dia 4 de agosto, na sua unidade do Rio de Janeiro, uma aula inaugural do curso de documentário, aberta e gratuita, com a diretora Maria Augusta Ramos. Só podem participar pessoas previamente inscritas (link: https://www.aicinema.com.br/master-class-gratuita-com-maria-augusta-ramos/).

Em São Paulo, o mesmo curso contará com o diretor Kiko Goifman como professor convidado. As duas participações fazem parte da estratégia da AIC de oferecer em seus cursos a presença de profissionais de destaque no mercado audiovisual. Maria Augusta Ramos ganhou o prêmio de público do Festival de Amsterdã e o prêmio de melhor longa documentário no Festival de Cinema Holandês com o documentário Desi (2000). No evento, haverá ainda exibição do filme O Processo, obra da diretora que mostra a crise política que afeta o Brasil desde 2013. Para participar da aula, é necessário realizar inscrição prévia:

A master class com Maria Augusta acontece no estúdio da AIC do Rio de Janeiro e começa às 10h com a exibição do longa-metragem O Processo. Aclamado em 2018 nos maiores festivais de cinema nacionais e internacionais, este documentário acompanha as votações e discussões determinantes na destituição da presidente Dilma Rousseff. O filme foi realizado com mais de 400 horas de material bruto e não conta com entrevistas e narração. Das 14h às 17h30 a diretora comenta sobre a elaboração e as gravações no Senado Federal e também sobre sua atuação como documentarista a partir de outros filmes de sua autoria, como Desi, Justiça, Juízo e Futuro Junho.

Já em São Paulo, o curso de documentário com início em 11 de agosto terá Kiko Goifman, que além de passar todo seu conhecimento e bagagem em aulas exclusivas, irá revisar e comentar os projetos dos alunos. Recentemente, seu documentário Bixa Travesty, sobre Linn da Quebrada (atriz, cantora, compositora e ativista transexual brasileira de funk carioca e pop), recebeu o prêmio Teddy no Festival de Berlim 2018.

O curso de documentário da AIC proporciona uma visão do gênero em suas diferentes vertentes e linguagens, a partir da realização de um curta-documentário. Com um programa abrangente, intenso, prático e reflexivo, oferece as ferramentas para a construção narrativa e estética de documentários, num momento de excepcional crescimento do gênero tanto no Brasil como no mundo. No site da Academia Internacional de Cinema (AIC), há detalhes sobre o curso nas unidades do Rio de Janeiro e de São Paulo:

https://www.aicinema.com.br/curso/documentario-com-kiko-goifman/sao-paulo-sp/11-ago-sab-integral/

https://www.aicinema.com.br/curso/documentario/rio-de-janeiro-rj/11-ago-sab-integral/

AIC RIO DE JANEIRO
Rua Martins Ferreira, 77 – Botafogo, Rio de Janeiro/RJ
Informações: 21 2537-8183

AIC SÃO PAULO
Rua Dr. Gabriel dos Santos, 142, Higienópolis, São Paulo/SP
Informações: 11 3660-7883 

Sobre a Academia Internacional de Cinema (AIC)
A AIC é uma escola que, desde 2004, oferece mais de 30 cursos que abrangem toda a cadeia produtiva do audiovisual, da ideia à distribuição, com cursos de formação livre, intensivos de férias, oficinas especializadas, além de dois cursos técnicos de formação profissional: Filmorks – Técnico em Direção Cinematográfica, e Curso Técnico em Atuação para Cinema e TV. Com infraestrutura técnica e professores atuantes no mercado audiovisual, a AIC se destaca pela ênfase na prática e na teoria aplicada. Ao longo de sua existência, já produziu com seus alunos mais de 2 mil curtas metragens. Sua agenda de eventos inclui palestras e debates com dezenas de cineastas reconhecidos nacional e internacionalmente. Uma lista completa de professores e cineastas convidados pode ser visualizada no site.