17/11: JBC Henshin+ 2019

Dia 17 de novembro a Editora JBC, em parceria com a Japan House São Paulo, promoveu o JBC Henshin+2019 , o evento anual da editora dedicado aos fãs de mangás

O Henshin+ deste ano foi na sede da Japan House São Paulo, localizada na Avenida Paulista, 52, e contou com inúmeras atividades e palestras. Um
espaço especial para a degustação dos mangás digitais da JBC esteve disponível para os visitantes conhecerem em primeira mão os últimos lançamentos desse universo. Os visitantes também tiveram a chance de conhecer a equipe responsável pelo JBC Bits e o Henshin Online.

O Henshin+ 2019 também contou com um espaço exclusivo para a venda de mangás da JBC com descontos especiais e os últimos lançamentos como Cardcaptor Sakura – Clear Card Arc, Fruits Basket, Hokuto no Ken, e o clássico Akira.

Quem visitou a Japan House São Paulo no dia do Henshin+ pôde conferir a exposição Isto é Mangá – A Arte de Naoki Urasawa , que contou com mais de 600 obras do ilustrador japonês.

Selo Start: Novo selo Start, uma incubadora de produções autorais da Editora JBC
O Start é o selo destinado aos artistas que desejam otimizar a publicação de seus trabalhos, usando alguns serviços que uma editora pode fornecer. A curadoria oferecida pela Editora JBC pelo Start é como uma “incubadora”.

O primeiro passo é a distribuição de conteúdo autoral no formato digital. A ideia é diversificar a oferta de conteúdo digital nas principais lojas de e-books: Kindle, Kobo, Google Play e iBooks.

Para começar, duas parcerias firmadas foram apresentadas ao público, as quadrinistas nacionais Cah Poszar e Amanda Freitas . Ambas são conhecidas por seus trabalhos com histórias online nas plataformas de autopublicação.

O projeto irá trazer aos leitores os quadrinhos Teerra & Windy, obra já consagrada de Cah Poszar e The Flower Pot , uma doce história de vida que está em apresentação para o público por Amanda Freitas. Cah e Amanda falaram sobre suas obras, apresentando brevemente o que cada uma
representa, além é claro, de contar um pouco da experiência com a publicação pessoal dos projetos e o que as motivou participar do Start.

Selo JB studios: Novo selo da Editora JBC é dedicado ao desenvolvimento de conteúdo de autores nacionais
Durante o segundo momento da terceira palestra do evento JBC Henshin+ 2019, Edi Carlos Rodrigues, gerente de marketing e comunicação da JBC, ao lado de Marcelo Del Greco, gerente de conteúdo, anunciaram um dos novos projetos da Editora, o selo JB studios, destinado ao desenvolvimento de
conteúdo próprio e/ou inéditos com autores nacionais.

Os projetos podem contemplar personagens com conteúdos originais ou personagens novos com desenvolvimentos de propriedades intelectuais desde o início. Como primeiro projeto do JB Studios, temos o mangá “O Regresso de Jaspion”, a produção nacional das aventuras do herói japonês conta com o roteiro de Fábio Yabu e as artes e cores de Michel Borges.

Não parando por aí, temos também o projeto da produção do livro Turma da Mônica Lendas Japonesas , onde a Editora JBC acompanha junto a MSP o desenvolvimento da obra que teve os textos adaptados por André Kondo. Kondo esteve presente durante o anúncio e subiu ao palco para falar sobre como foi trabalhar na produção dos textos e adaptação das histórias que conhece desde a infância para uma nova geração, além de comentar a emoção de ver a obra ser ilustrada com as artes da Turma da Mônica, personagens clássicos das histórias infanto-juvenis brasileiras.

Sobre a Editora JBC
A Editora JBC é uma das principais referências no mercado de mangás no Brasil, desde 2001. Fundada em 1992, a JBC dedica-se à difusão da cultura japonesa através de seus produtos, entre livros e quadrinhos. Os produtos são distribuídos nas principais livrarias e lojas especializadas do Brasil.
www.mangasjbc.com.br