21/06: CANASTRA SUJA, um filme de Caio Sóh

Trilha sonora de Maria Gadú
BRASIL, 2018, 121´, DRAMA/SUSPENSE

Estreia de Canastra Suja no cinema, o filme tem no elenco Adriana Esteves, Marco Ricca, Bianca Bin, Pedro Nercessian, Cacá Ottoni, entre outros

A Movimento Cinema Bruto e a distribuidora ArtHouse, divulgam a data de lançamento e trailer oficial do filme: Canastra Suja, de Caio Sóh.  O filme chega às telonas no dia 21 de junho, depois de participar de diversos festivais, entre eles, Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, Los Angeles Brazilian Film Festival (Prêmios de melhor longa-metragem, diretor, ator Marco Ricca e ator coadjuvante Pedro Nercessian), Fest Aruanda (Prêmios de melhor ator, ator coadjuvante, roteiro e som), entre outros.

O filme Canastra Suja gira em torno do drama de uma família simples que enfrenta diversos conflitos.   Durante a trama, o conceito familiar desaba aos poucos. Temas desenvolvidos com muita naturalidade e sabedoria pelo roteirista.

Toda família tem seus segredos, mas só em algumas a verdade vem à tona.
Sinopse
Quem vê Batista e Maria andando pela rua com seus três filhos, Pedro, Emília e Rita, acha que o grande problema deles é a filha caçula que sofre de autismo. Porém, as questões dessa família são bem mais complicadas. Batista é um alcoólatra tentando abandonar o vício por insistência familiar. Maria é uma esposa dedicada que vive um caso tórrido com o namorado de sua filha Emília, que se faz de pudica, mas seduz o patrão. Pedro, o primogênito, está perdido na entrada da vida adulta. Durante a trama, o conceito familiar desaba aos poucos.

Ficha Técnica
Canastra Suja (121’/ Brasil / 2018/ Drama, Suspense)
Direção: Caio Sóh
Roteiro: Caio Sóh
Trilha Sonora: Maria Gadú
Fotografia: Azul Serram
Montagem: Caio Sóh
Elenco: Marco Ricca, Adriana Esteves, Bianca Bin, Pedro Nercessian, Cacá Ottoni
Produtor: Caio Sóh
Produção: Movimento Cinema Bruto Produção Cinematográfica e Cultura
Distribuidora: ArtHouse
Classificação Indicativa: 14 anos (a confirmar)
Co-Produtores: Canal Brasil, Simtz e Mistika

Sobre o Diretor
Caio Sóh é cineasta, fundador do movimento de cinema bruto, compositor e dramaturgo premiado. Diretor e Roterista do filme “Teus Olhos Meus”, filme vencedor pelo juri popular da 35ª Mostra de Cinema Internacional de São Paulo, vencedor de 5 prêmios no Los Angeles Brazilian Film Festival 2011, incluindo os prêmios de melhor filme e melhor roteiro.

Seu segundo longa-metragem “MINUTOS ATRAS” estreou no primeiro semestre de 2014 e foi exibido na première Brasil do Festival do Rio e Mostra Internacional de São Paulo. O filme conta com a participação dos atores Otavio Muller, Vladimir Brichta e Paulinho Moska. Dirigiu também o longa “POR TRÁS DO CÉU” estrelado por Nathalia Dill, Emílio Orciollo Netto, entre outros atores.

Atualmente finaliza o longa “Canastra Suja”, com Adriana Esteves e Marco Ricca no elenco, e pré-produz os longas “Hashtag” e, para 2018, “O Diabo decide se casar”.

Distribuição – Arthouse
A ArtHouse é uma distribuidora dedicada ao cinema de autor que traz em seu catálogo filmes como “A Erva do Rato” e “Educação Sentimental”, de Julio Bressane, “A História da Eternidade”, de Camilo Cavalcante, “Big Jato”, de Cláudio Assis, “Futuro Junho”, de Maria Augusta Ramos e muitos outros longas-metragens que se destacaram no circuito de festivais dentro e fora do país, como os Festivais de Rotterdam, Locarno, Roma, Festival do Rio e Festival de Brasília.

Os mais recentes lançamentos incluem: “A Família Dionti”, de Alan Minas, vencedor do prêmio de público no Festival de Brasília; “Introdução à Música do Sangue”, de Luiz Carlos Lacerda; “Love Film Festival”, de Manuela Dias, e “Um Filme de Cinema”, de Walter Carvalho.

Com um foco no cinema nacional de arte, e consciente da importância da comunicação eficaz com o público, a distribuidora ArtHouse ajuda a preencher uma lacuna no setor, dando visibilidade em salas de cinema a toda uma produção brasileira de imensa qualidade e reconhecimento internacional que enfrenta sérias dificuldades de chegar ao espectador.

Em 2018, a ArtHouse continua seu crescimento no mercado brasileiro de cinema, apresentando uma carteira diversa, onde se destacam “Canastra Suja”, protagonizado por Bianca Bin e Adriana Esteves, “O Beijo no Asfalto“, longa de Murilo Benício e estrelado por Lázaro Ramos e Débora Falabella, e ”Domingo”, novo filme de Fellipe Barbosa e Clara Linhart, com Camila Morgado e Chay Suede.

Canal Brasil
O Canal Brasil tem um papel fundamental na produção e coprodução de longas-metragens, história que começou em 2008 com “Lóki – Arnaldo Baptista”, de Paulo Henrique Fontenelle, que mostrou a vida do eterno mutante. Agora em 2018, o canal ultrapassa a marca de 250 filmes. Sair do campo da exibição e partir também para feitura fez com que o Canal Brasil atingisse em poucos anos uma importância imensurável dentro do cenário do cinema brasileiro recente. Entre os longas recém coproduzidos estão “Animal Cordial” de Gabriela Almeida; “Divinas Divas”, de Leandra Leal; “Não Devore o Meu Coração” de Felipe Bragança, “Pendular” de Julia Murat e “Berenice Procura” de Allan Fiterman.