28/12: Bye Bye Jaqueline

PROMETENDO FISGAR O PÚBLICO ADOLESCENTE, FILME TRAZ UMA HISTÓRIA SENSÍVEL SOBRE AMOR E AMIZADE NA ADOLESCÊNCIA. LONGA CHEGA À SÃO PAULO, CURITIBA, PORTO ALEGRE, BRASÍLIA, SALVADOR, MACEIÓ E RECIFE

Com uma história leve e divertida que fala sobre a beleza e as dificuldades de ser jovem, “Bye Bye Jaqueline” chega aos cinemas no próximo dia 28 de dezembro em sete praças: São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Brasília, Salvador, Maceió e Recife, com perspectiva de ampliação do circuito na segunda semana.

Primeiro longa-metragem de Anderson Simão, da produtora curitibana O Quadro, a comédia romântica teve uma boa receptividade em sua pré-estreia, semana passada, em Curitiba, quando o elenco esteve presente. O filme faz um recorte na vida de sua protagonista, Jaqueline, uma jovem de 16 anos, bolsista em uma escola particular. O filme mostra o dia a dia de seu cotidiano: a amizade com sua melhor amiga, Amanda, a paixão pelo menino mais bonito do colégio, os encontros e desencontros que acontecem no pátio da escola. Veja o trailer:

A jovem atriz Poliana Oliveira dá vida à Jaqueline, que entre as aulas, os treinos de vôlei e as tarefas domésticas, se interessa por Fernando (Victor Carlim), sobre quem projeta seus sonhos românticos. Novata na escola, conta com a experiência de Amanda (Gabrielle Pizzato Santana), a melhor amiga descolada, que empresta uma boa dose de humor à trama. Marchesi (Leonardo Vieira) completa o quarteto adolescente. Ele também se apaixona por Jaqueline e por vezes acaba atrapalhando a vida do casal.

Com estreia marcada para as férias escolares, “Bye Bye Jaqueline” retrata com fidelidade a atual geração adolescente, muito mais tranquila e cabeça aberta ao lidar com as tradicionais questões da idade do que as anteriores. A primeira relação sexual, a amizade, a pressão da escola ou as diferenças sociais são temas com os quais os jovens do longa vão lidar, tendo ao fundo as belas ruas de Curitiba e uma trilha sonora representativa da cena roqueira da cidade.

Para os pais que forem ao cinema, o filme traz uma boa dose de nostalgia. Com exceção dos celulares, tudo, enfim, continua igual, levando o espectador a lembrar de sua própria época de escola. Como diz Fernando para Jaqueline: “Gosto de colecionar boas lembranças”. “Bye, bye Jaqueline” desperta o gosto de uma boa recordação.

Sinopse
Ter 16 anos é fácil. O difícil é ter 16 anos, ser obrigada a ir à escola todo dia e acabar se apaixonando pelo menino mais popular do grupo. Isso acontece com Jaqueline, uma menina forte e determinada. Seus maiores problemas circulam entre as dificuldades de ir à escola todo o dia, o treino de vôlei e sua paixão não correspondida por Fernando. A melhor parte do seu dia acaba sendo ficar ao lado de sua melhor amiga, Amanda, mas uma confidência entre elas pode acabar com essa amizade. Para complicar ainda mais o dia a dia, Marchesi, amigo de Fernando, parece estar apaixonado por Jaque e fará de tudo para conquista-la. A vida segue seu curso, à medida que segredos são revelados, sentimentos magoados e relações abaladas.

Elenco
Poliana Oliveira
Gabrielle Pizzato Santana
Victor Carlim
Leonardo Oliveira
Wellington Sari
Evandro Scorsin
Flávia Cassias
Iza Kürten

Ficha Técnica
Diretor: Anderson Simão
Roteiro: Wellington Sari
Produção: Wellington Sari e Evandro Scorsin
Produção Executiva: Christopher Faust e Anderson Simão
Direção de fotografia: Daniel Florencio
Montagem: Christopher Faust

Sobre a produtora O Quadro
Em cinco anos de existência, a produtora curitibana realizou mais de 25 curtas-metragens direcionados ao público jovem, com temática ligada ao amor, tratados de forma bem-humorada e autoral. Com curtas-metragens exibidos nos principais festivais de cinema do Brasil e em canais de TV como TNT, TCM e Canal Brasil, a produtora lança seu primeiro longa-metragem, “Bye, Bye, Jaqueline”.

Sobre a Lança Filmes
Acreditamos em compartilhar boas histórias com o mundo. Formamos parcerias com produtoras e diretores independentes, tanto nacionais como internacionais, desde a fase inicial dos projetos até sua finalização. Atuando no mercado de distribuição, a Lança Filmes valoriza a qualidade técnica e artística de seus filmes, levando para o público histórias que emocionem, comovam e permaneça nas suas memórias.