Literatura: ontem, hoje, amanhã

Obra de Marisa Lajolo que introduz à literatura completa 30 anos revigorada

Este texto, por seu tom saborosamente literário, acaba ele mesmo sendo objeto entre os territórios investigados em suas páginas.

Este livro se dirige a todos que têm interesse por literatura e já devem ter-se perguntado o que é e quantos sentidos e mundos podem caber nessa palavra. Essas questões, que povoam cabeças de leitores e leitoras mundo afora, também instigaram a premiada professora Marisa Lajolo, que desenvolveu algumas respostas em seu Literatura: ontem, hoje, amanhã, lançamento da Editora Unesp.

Esta obra, nascida há 30 anos, volta repaginada, antenada aos novos tempos entrelaçados às tecnologias digitais, que parecem subtrair leitores e, para alguns, até matar a própria literatura. “Você, eu, seu amigo, minha colega e todos os outros sócios do seletíssimo Clube de Leitores Anônimos sabemos que é mentira, que a literatura vai bem, obrigada, está vivinha da silva, e até manda lembranças…”, oferece a autora. “Mas ela mudou. Mudou muito. Mudou de cara, de endereço e até de família. E tem quem não a reconheça no novo endereço, tem quem desfaça da parentela que veio de longe. (…) São vozes rabugentas, mas paciência, que nessa conversa volta e meia vamos ter de dialogar com esses e outros resmungos semelhantes.”

Excelente porta de entrada ao conhecimento da literatura, ao longo de seus 16 capítulos,  mergulha-se até a Antiguidade e, de lá, cumpre-se passeio despreocupado pela história dos gêneros literários.  Marisa Lajolo consegue explorá-los colocando-os ora em contraste, ora em relação de complementaridade às múltiplas – e talvez incontáveis – facetas da literatura.

A pedra angular desse texto leve e fluido, mas fundamentado e profundo, é a concepção de que há muitas literaturas, mesmo que algumas vozes não convivam bem com a diferença. “Por mais divergentes e contraditórios que sejam seus pontos de vista sobre a literatura, tais vozes acabam circulando sempre pelo mesmo universo. Mas diferente não quer dizer pior. Só quer dizer diferente.”

Sobre a autora
Marisa Lajolo é professora da Unicamp e da Universidade Mackenzie. Publicou várias obras sobre leitura no Brasil e coordenou o projeto temático que trabalhou com a documentação lobatiana depositada na Unicamp. Em 2009, em parceria com João Luís Ceccantini, organizou a obra Monteiro Lobato, livro a livro: obra infantil, eleito pelo Prêmio Jabuti o melhor livro de 2009 na categoria não ficção, que foi seguida por Monteiro Lobato, livro a livro: obra adulta (2014), ambas publicadas pela Editora Unesp.

Título: Literatura: ontem, hoje, amanhã
Autora: Marisa Lajolo
Número de páginas: 170
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 32,00
ISBN: 978-85-393-0722-7