Um mundo sem guerras: a ideia de paz das promessas do passado às tragédias do presente

Filósofo italiano reflete sobre as promessas, as decepções, as voltas e reviravoltas na história sobre a ideia da paz perpétua como impulso à luta contra o perigo de novas guerras

“Esta é a primeira vez que a humanidade sonha com a paz perpétua e experimenta uma brusca e dolorosa reviravolta, ou esse ideal e seus constantes desencantos possuem uma longa história que precisa ser desvendada?”, pergunta-se o filósofo italiano Domenico Losurdo sobre o momento presente em seu Um mundo sem guerras: a ideia de paz das promessas do passado às tragédias do presente, lançamento da Editora Unesp.

“Estamos diante de batalhas ideológicas e políticas e de conflitos sanguinários que marcam a história do ideal de um mundo sem guerras”, escreve o autor. “Meu livro tratará da reconstrução da gênese e do desenvolvimento dessa trama e de sua análise nos planos político e filosófico. Considero essas reconstrução e análise urgentes diante das ameaçadoras nuvens de novas tempestades bélicas que emergem no horizonte.”

Dividido em 13 capítulos, o texto de Domenico Losurdo transita por diversos períodos da história – da Revolução Francesa aos conflitos dos séculos XX e XXI – cujos protagonistas são grandes intelectuais (Kant, Fichte, Hegel, Comte, Spencer, Marx, Popper, entre outros) e importantes homens de Estado (George Washington, Robespierre, Napoleão Bonaparte, Woodrow Wilson, Lenin, George H. W. Bush, entre outros).

Losurdo, entretanto, ressalva que não pretende analisar posições individuais, mas discutir sobre os momentos históricos em que o ideal de um mundo sem guerras inspirou a humanidade. “A história grande e terrível do período contemporâneo é também a história de choques entre diferentes projetos e ideais de paz perpétua”, anota Losurdo. “Em vez de serem sinônimos de harmonia e concórdia, geralmente resultam de grandes crises históricas e, por sua vez, provocam, na maioria das vezes, fortes confrontos ideológicos, políticos e sociais, e, por vezes, profundos e devastadores conflitos.”

Sobre o autor – Domenico Losurdo (1941-2018), filósofo, ensaísta e historiador italiano, lecionou na Universidade de Urbino, na Itália. Foi um dos maiores analistas marxistas e estudiosos da obra do pensador italiano Antonio Gramsci. Intelectual versátil, também se dedicou a análises da história das idéias e à investigação de questões políticas contemporâneas. Publicou pela Editora Unesp as obras Hegel, Marx e a tradição liberal (1998) e Democracia ou bonapartismo (2004).

TítuloUm mundo sem guerras: a ideia de paz das promessas do passado às tragédias do presente
Autor: Domenico Losurdo
Tradutor: Ivan Esperança Rocha
Número de páginas: 434
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 89,00
ISBN: 978-85-393-0745-6